• Tamanho Letra
  • Imprimir
  • Partilhar  Partilhar
  • Comentar
  • Ler Comentários
Gostou desta notícia?
URL

Salão Erótico sem espaço para vergonhas A Ferver: 03.6 - 10h Por: Miguel Azevedo

Porque quem faz cerimónia fica sempre a perder e a vergonha faz parte dos fracos, o primeiro dia do Salão Erótico do Atlântico, a decorrer até hoje na Fundição de Oeiras, ficou marcado pela desinibição dos visitantes.

Sempre que o convite soava ao microfone - "precisamos de um voluntário" -, homens e mulheres nunca se escusaram a subir ao palco para se submeterem às ‘maldades' das strippers, mesmo que isso significasse ficar em nu integral.

Apesar de não ter registado lotação esgotada, o salão esteve sempre muito animado, nos palcos reservados ao strip, nas lojas, e mesmo no espaço dedicado aos swingers, o único onde o CM não pôde recolher imagens. "É que as pessoas que ali estão hoje, na segunda-feira voltam às suas vidas e aos seus trabalhos. Há juízas, advogados e médicos", explicou-nos uma das ‘porteiras'. 

Salão Erótico do Atlântico - Dia 1



Partilhar:

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados. É expressamente proíbida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Presslivre, S.A.,
uma empresa Cofina Media - Grupo Cofina.